quarta-feira, 11 de maio de 2016

Importadora Grand Cru apresenta vinhos espetaculares e novidades na loja de Porto Alegre

É praticamente impossível não se surpreender com o Grand Tasting, evento anual de degustação de vinhos proposto pela importadora Grand Cru. Em Porto Alegre, o evento aconteceu no dia 25 de abril na Casa Vetro e reuniu mais de 200 rótulos de diversas regiões vinícolas. O que mais chama a atenção é a qualidade dos vinhos apresentados, com destaque para os tintos franceses da região de Bordeaux e os italianos da Toscana.

O Barbaresco Montefico 2008, sem sombra de dúvida, foi um dos grandes italianos do dia. Tendo alcançado 95 pontos pelo avaliador Robert Parker, um dos mais conceituados no mundo do vinho, é elaborado 100% com uvas Nebbiolo do vinhedo Montefico, tendo nuances de cereja e framboesa. Em boca, passa a mostrar cereja preta e pimenta-branca, e os taninos são firmes e bem presentes.

Entre os vinhos do Novo Mundo, o argentino Eggo - corte Tinto de Tiza - da vinícola Zorzal, é maravilhoso. Os aromas são de ameixas maduras e violetas, e no palato é poderoso, com taninos doces e textura macia. Uma das curiosidades deste exemplar é que passou por estágio de um ano e meio em cubas de cimento em formato de ovo e se manteve em contato com as cascas por oito meses. Os vinhedos desta vinícola estão situados a 1.350 metros de altitude, um dos cumes mais altos da América do Sul, na pequena sub-região de Mendoza chamada Gualtallary.

Uma das novidades da edição deste ano na capital gaúcha foi a Franciacorta, espumante italiano de alta qualidade. Um dos pontos altos deste exemplar foi da vinícola Villa Crespia, com seu Franciacorta Francesco Iacono Riserva Dosaggio Zero da safra 2005. No aroma é possível perceber nozes, manteiga e macadâmia. Em boca, é muito cremoso. Sediada na Aldeia de Adro, a vinícola é composta por 60 hectares de vinhedos localizados a 350 metros acima do nível do mar, com microclima ideal para a produção de uvas de qualidade. Todo o processo de vinificação é realizado por meio de gravidade, garantindo a higiene e evitando o uso excessivo de aditivos químicos.

Com exemplares que variam entre R$ 200 e R$ 300 em média, este ano a importadora buscou mostrar vinhos na faixa dos R$ 80,00, justamente para ocupar esta faixa de clientes que procuram aliar qualidade a preços mais acessíveis. “Temos como meta cada vez mais avançar nosso market share, sem perder a qualidade que o nosso público já conhece. Este é um desafio enorme, em razão da alta no preço do dólar”, avalia Crislene Gomes, gerente nacional de vendas da Grand Cru.

E para os clientes que costumam adquirir os vinhos da Grand Cru diretamente na loja de Porto Alegre, haverá uma novidade em breve. Dentro de dois meses, o endereço da loja sairá da Rua Quintino Bocaiúva, 1447, para um novo local ainda em segredo. A intenção é facilitar o acesso à loja e permitir que o cliente possa escolher os vinhos com melhor acesso de estacionamento.

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Porto Alegre recebe segunda edição em comemoração à casta Malbec



A casta Malbec é um símbolo da Argentina. Regiões vinícolas deste país são reconhecidas mundialmente pela qualidade dos vinhos produzidos. Originária da França, a variedade adaptou-se ao clima e à geografia e logo se consolidou como a mais plantada no país sul-americano – finalmente tornando-se um símbolo da produção e da identidade vinícola argentina.

O Rio Grande do Sul integra pelo segundo ano consecutivo as comemorações oficiais do Malbec World Day (MWD), iniciativa organizada pelo Consulado Geral da República Argentina em Porto Alegre com a colaboração da agência oficial de promoção do vinho argentino, Wines of Argentina. O MWD tem como objetivo homenagear e difundir esta variedade.

A segunda edição do Malbec World Day na capital gaúcha ocorre nesta terça-feira (19-04) e consistirá na organização de uma degustação na sede do Consulado Geral da República Argentina (Rua Coronel Bordini, 1033 – Moinhos de Vento). Nessa oportunidade, um seleto grupo de personalidades poderá apreciar uma série de rótulos Malbec argentinos. Mais de 30 das mais renomadas adegas deste país estarão participando com o apoio das importadoras Armazém dos Importados, Grand Cru, La Charbonnade, Porto A Porto, Sommelier e Vinhos do Mundo.

domingo, 29 de novembro de 2015

Mendoza é uma alternativa para fugir das altas temperaturas do verão



Com a proximidade das férias, inicia o período de busca de um destino para aproveitar os dias de folga. Geralmente, as praias nacionais são as mais procuradas, por causa das altas temperaturas no verão, ainda mais que no início do ano de 2016 promete ser mais quente que o habitual em consequência do fenômeno climático El Niño.



Aos que buscam alternativas para fugir do calor, um destino que já vem agradando aos brasileiros é Mendoza, na Argentina. Com localização ao oeste do país, nas bordas da Cordilheira dos Andes, a capital da província homônima é considerada um importante pólo de produção de vinho e azeite, além de ser dos mais importantes pontos turísticos do país vizinho.



“Mendoza tem uma infraestrutra de ponta para atender todas as necessidades dos turistas”, esta é a afirmação do cônsul adjunto da República Argentina, Lisandro Parra. Segundo ele, Mendoza apresenta 260 dias ensolarados por ano, por isso garante ao turista conhecer, além de todas as atratividades locais, algumas das quase mil vinícolas localizadas na região. Além disso, recentemente a companhia aérea Gol inaugurou voo direto de Porto Alegre, além de manter de outras capitais, como São Paulo e Rio de Janeiro.



A enóloga e sócia-proprietária da Vinho e Arte – loja especializada em vinhos localizada em Porto Alegre/RS, Maria Amélia Duarte Flores, destaca alguns dos restaurantes imperdíveis em Mendoza, como o 1884 Francis Mallmann, Francesco Barbera Ristorante, Azafran e o Nadia O. Fournier. Todos são considerados excelentes por ela, que costuma organizar viagens turísticas para países que têm tradição na cultura vitivinícola.



Entre as lojas de vinhos, Maria Amélia aponta a Winery, onde é possível encontrar um belo vinho de corte da vinícola Fourneir – elaborado a partir das castas Tempranillo (40%), Malbec (40%), Syrah (10%) e Merlot (10%). As vinícolas que obrigatoriamente devem ser visitadas, por apresentarem os vinhos mais conceituados e arquiteturas arrojadas, devem ser a Catena Zapata, a Pulenta Estate Winery, a Ruca Malen, a O. Fournier e a Salentein, sendo que esta última conta com um espetacular Pinot Noir safra 2010.



Créditos das fotos: Divulgação e Maria Amélia Duarte Flores

sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Restaurante de Porto Alegre/RS oferece isenção da tacha de rolha em jantar

Uma grande novidade foi adotada por um restaurante de Porto Alegre/RS. Nas segundas e terças-feiras, o cliente que for jantar no Dado Pub Bela Vista (Casemiro de Abreu, 1224, loja 7) pode levar seu próprio vinho e não precisará pagar pela taxa de rolha.

Esta iniciativa tem como meta atender grupos e confrarias de vinho que apreciam e gostam de degustar rótulos diferentes. Para grupos maiores, a sugestão é fazer reservas antecipadas de mesa. O horário do jantar é de segunda a sábado, entre 19h30 e 0h.

Mais informações: (51) 3084.6898

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Vinícola Don Giovanni lança espumante com 70 meses de maturação

Foram anos de dedicação até chegar ao ponto ideal para que a vinícola Don Giovanni, de Pinto Bandeira (RS), lançasse no mercado o espumante considerado especial, o Dona Bita 70 meses. A bebida foi elaborada pelo método tradicional – fermentação na própria garrafa – e, como o nome já diz, com 70 meses de maturação.

Esta é uma homenagem dos filhos e proprietários da vinícola, Paola, Fábia e André, para sua mãe, Beatriz Dreher Giovannini, cujo apelido dá nome ao rótulo. Ela completou, em julho de 2015, 70 anos de idade.



Elaborado a partir da união das variedades Chardonnay e Pinot Noir – ambas de produção própria da Don Giovanni - o Dona Bita 70 meses promete ser um dos grandes lançamentos deste ano, pelo seu surpreendente sabor, paladar elegante, aroma e presença equilibrada de acidez.

Ficha técnica do espumante:

O Dona Bita 70 meses apresenta cor amarelo dourado, excelente brilho e perlage intenso, persistente com borbulhas pequenas e de grande intensidade. Foram utilizadas uvas Chardonnay (60%) e Pinot Noir (40%). É um espumante cremoso, de expressivo volume, com agradável aroma. Valor sugerido do Dona Bita 70 meses é de R$ 220,00 garrafa. Neste primeiro lote, foram produzidas 500 unidades do produto.

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Cookies da Mr. Cheney chegam a Porto Alegre/RS



Dois amigos, um americano e um brasileiro, com uma paixão em comum: cookies. O primeiro, era um cookieman, sabia todos os segredos dessas delícias americanas e o segundo ficou decidido a conhecer melhor esse segredo e trazer para o Brasil os típicos cookies americanos. Assim nasce Mr. Cheney, nome em homenagem ao amigo americano Jay Cheney e o único lugar onde se encontra cookies feitos na hora e doces tipicamente americanos, com um sabor apaixonante.

Num ambiente preparado para trazer uma experiência única ao consumidor: o cookie sendo preparado na frente do cliente, levado ao forno e saindo quentinho, com um aroma inesquecível. Tudo igual ao ambiente das famílias americanas, que esperavam as mães e avós prepararem os cookies enquanto se reuniam nas cozinhas juntamente com as crianças. Este é o conceito do Mr. Cheney, uma verdadeira cookie store americana no Brasil, que convida para a inauguração nesta terça-feira (29-09), a partir das 18h, no Barra Shopping Sul, em Porto Alegre/RS.



Além dos cookies em dez sabores, que são o carro-chefe das lojas, o Mr. Cheney reproduz as receitas de diversos american treats tradicionais como cinnmon rolls, american pancakes with maple syrup, apple pie, cheesecake, brownies etc. Todos os produtos são resultados de receitas autênticas americanas, produzidos artesanalmente com ingredientes de primeira qualidade, bem recheados e fieis aos detalhes do preparo, como fazem as mães, avós e tias americanas. No evento, além dos dez sabores de cookies, a chef Arika Messa foi convidada pela marca para desenvolver duas sobremesas com os cookies que serão servidas no coquetel especialmente para os convidados.

A mais nova franquia no Barra Shopping Sul foi aberta pelo casal Felipe e Claudia Vilanova, que estavam à procura de uma franquia na área de alimentação por gostarem de cozinhar e da relação com o público, mas queriam algo que agregasse um bom conceito, com produtos de qualidade, por isso escolheram o Mr. Cheney.



Com 40 unidades em funcionamento, entre lojas e quiosques, a rede já comercializou mais 10 franquias este ano e acaba de inaugurar sua fábrica, na zona norte de São Paulo, com capacidade de expansão para atender até 400 lojas.

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Jantar com uma das carnes mais macias do mundo



Nem sempre é possível degustar determinados cortes de carne com valor elevado, com o Acém custando a partir de R$ 40 e o Entrecôte ao redor de R$ 150 o quilo nas gôndolas dos supermercados. Por isso, os proprietários da Fazenda Santa Terezinha, localizada no município de Jaquirana/RS, proporcionaram um jantar harmonizado no restaurante Casa Micheletto (Rua Dr. Vale, 579 - Moinhos de Vento) – que integra o Hotel Laghetto Viverone Moinhos, em Porto Alegre/RS, a partir de cortes da raça bovina Wagyu, considerada a mais macia do mundo.



Esta propriedade da carne tem como motivo a gordura menos entremeada em relação a outras raças, e por isso é considerada mais saudável. Os ácidos graxos têm proporções significativamente mais elevadas de monoinsaturados em relação aos saturados, o que diminui os níveis de colesterol sanguíneo LDL indesejáveis, sem diminuir os de colesterol HDL, o bom colesterol. Para acompanhar os pratos, foram apresentados os vinhos da vinícola Cavaleri, da região do Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves/RS.

Sem sobre de dúvida, os cortes apresentados, tanto na entrada quanto no prato principal, são realmente muito macios e saborosos. O grande destaque foi o segundo prato principal, o Steak de Kobe, seguido pelo primeiro prato, o arroz de costela com agrião e praline de nozes pekan. A composição e a mistura de sabores deste primeiro prato foram muito bem desenvolvidas. Entre os vinhos, destaque para o espumante Brut, o Chardonnay e o Cabernet Sauvignon da Cavaleri. Uma bela surpresa da noite!



Confira como foi a sequência:

ENTRADAS:

- Carpaccio de Kobe Akaushi



- Mix de folhas com vinagrete de pinhão



PRATOS PRINCIPAIS:

- Arroz de costela com agrião e praline de nozes pekan



- Steak Kobe Akaushi com mini legumes e purê de batata doce



SOBREMESA:

- Crème brûlée com zabaione de erva mate